Grupo União Contábil

Quero abrir uma escola! O que preciso fazer? - Grupo União Contábil

  • Home
  • Quero abrir uma escola! O que preciso fazer?

Quero abrir uma escola! O que preciso fazer?

junho 7, 2022 admin 0 Comments

A Educação Básica é um dos maiores mercados no Brasil. Por meio das Edtechs, escolas que vinculam-se às startups para o desenvolvimento de soluções tecnológicas para a educação, esse mercado tem atraído ainda mais investimentos, o que por consequência levanta a questão: o que é necessário para abrir escola particular?

Por mais que estejamos num momento de maior dinamismo, celeridade de processos e desburocratização de algumas etapas, a educação básica é um assunto levado com muita seriedade pelos órgãos reguladores. Nesse artigo do Grupo União, entenda melhor o que é necessário para abrir uma escola.

O que é necessário para abrir uma escola?

Alguns passos são indispensáveis para abrir uma escola. Siga essas etapas que comentaremos logo abaixo e tenha certeza de que seu estabelecimento está completamente de acordo com as normas locais:

  1. Organização: O primeiro passo diz respeito muito mais com a viabilidade da operação que a legalidade. É importante que seu primeiro passo seja uma análise de mercado, a fim de compreender melhor a concorrência que cerca sua nova empresa. Outra etapa é a avaliação do capital inicial de investimento. Com essas informações em mãos e a convicção de que abrir uma escola é viável, é momento de planejar;
  2. Estudo da estrutura necessária: Uma vez que a escola seja viável e que sua visão seja aplicável, pode-se transformar essa expectativa num plano de negócios, que terá por detalhes principais o traçar da estrutura necessária para abrir a escola, os gastos, prazos e demais minúcias essenciais para o funcionamento da instituição idealizada;
  3. Levantamento da educação: Para que uma escola seja aberta, essa deverá ter regularização perante a prefeitura da cidade, o Ministério da Educação, a delegacia municipal de ensino e a Secretaria da Educação. Alguns dos principais documentos seriam:
    1. Requerimento da Secretaria da Educação, solicitando a regularização da escola e plenamente preenchido e assinado pelo representante;
    2. Cópia autenticada em cartório do cartão do CNPJ, Contrato Social da Instituição, e Certidões Negativas dos Cartórios de Protesto;
    3. Declaração de idoneidade e Termo de responsabilidade ambos assinados pelo representante da escola;
    4. Plano completo para a capacitação contínua do quadro de funcionários;
    5. Entre outros requisitos próprios para abertura de escola.
  4. Contratação de funcionários: Os professores são parte essencial da escola, e por isso, a seleção dos profissionais é uma parte extremamente importante no momento de abrir uma escola;
  5. Planejamento de estratégia, linha pedagógica e imagem: Por fim, com tudo organizado, é o momento de definir melhor a imagem da escola, a fim de conseguir a atenção dos pais ou interessados em investir em sua proposta educacional.

Todas essas são etapas bem burocráticas, certo? Principalmente quando falamos do ponto 3, que exige a apresentação de diversos documentos, estes que devem estar de acordo com uma série de requisitos mínimos de viabilidade. Para o seu conforto, você pode conseguir uma assessoria capaz de prestar direcionamento técnico.

O Grupo União ao seu lado

Quer entender melhor como nossa equipe pode lhe ajudar? Entre em contato agora mesmo com o Grupo União Contábil e vamos e tire todas as suas dúvidas.

leave a comment